Por Toby Sterling

AMSTERDÃ (Reuters) – A Uber disse que vai suspender as operações de seu aplicativo em Bruxelas a partir de 26 de novembro, depois que um tribunal belga decidiu que uma proibição de 2015 relacionada à oferta de serviços de táxi por particulares também se aplica aos motoristas cadastrados na plataforma da empresa norte-americana.

A Uber disse que a decisão desta quarta-feira do Tribunal de Apelações de Bruxelas afetará cerca de 2 mil motoristas e pediu ao governo belga que mude rapidamente as leis dos serviços de táxi.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).