BENGALURU, Índia (Reuters) – A Tesla divulgou nesta quarta-feira receita trimestral praticamente em linha com as expectativas de Wall Street, impulsionada por vendas recordes.

A companhia, montadora de veículos mais valiosa do mundo, desafiou a pandemia e a escassez global de chips, registrando receita recorde pelo quinto trimestre consecutivo, ajudada pelo início da produção de sua fábrica na China.

A companhia teve receita de 13,76 bilhões de dólares, ante 8,77 bilhões no terceiro trimestre do ano passado. Analistas, em média, esperavam receita de cerca de 13,63 bilhões de dólares, segundo dados da Refinitiv.

A margem bruta da Tesla, excluindo créditos ambientais, subiu para 28,8% ante 25,8% no trimestre anterior, apesar de pressões de custos geradas pela cadeia de suprimentos.

“Uma variedade de desafios, incluindo escassez de semicondutores, congestionamento em portos e blackouts, têm impactado nossa capacidade de manter as fábricas operando em plena velocidade”, disse a Tesla.

“Continuamos a operar nossas linhas de produção perto da capacidade total conforme as condições permitem. Embora crescimento sequencial seja nosso objetivo, a magnitude do crescimento será determinada principalmente por fatores externos”, afirmou a companhia,

(Por Subrat Patnaik)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).