SÃO PAULO (Reuters) – A fintech de soluções de pagamentos para microempreendedores SumUp anunciou nesta terça-feirque que concluiu a montagem de um fundo de investimento em direitos dreditórios (FIDC) de 300 milhões de reais.

Coordenada pela XP e pelo BV, o fundo tem prazo de 30 meses.

Os recursos serão usados para financiar antecipação de recebíveis de cartão de crédito para donos de pequenos negócios e profissionais autônomos.

A captação acontece meses após a SumUp ter anunciado um aporte de 225 milhões de euros (cerca de 1,3 bilhão de reais) para as operações no Brasil, de investidores incluindo Goldman Sachs, Temasek, Bain Capital, Crestline e Oaktree.

(Por Aluísio Alves)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).