BRASÍLIA (Reuters) – O relator da MP da privatização da Eletrobras no Senado, Marcos Rogério (DEM-RO), apresentou nesta tarde o parecer com mudanças à medida provisória, que só deve ir a votação na quinta-feira, garantiu o presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

O relator optou por modificar o texto encaminhado pelos deputados. Assim, caso seja aprovada pelos senadores com alterações, a proposta terá de passar por uma segunda votação na Câmara.

A MP, que tem enfrentado resistências entre senadores, precisa ter sua tramitação concluída nas duas Casas até o dia 22 deste mês ou perde a validade.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).