WASHINGTON (Reuters) – O grupo de hackers por trás do ataque na empresa SolarWinds obteve acesso a parte do código-fonte da Microsoft, disse a empresa nesta quinta-feira.

Em publicação em seu blog, a companhia disse que sua investigação revelou irregularidades com um “pequeno número de contas internas” e que uma das contas “foi usada para visualizar o código-fonte em vários repositórios”.

A Microsoft afirmou que a conta não tem a capacidade de monitorar os códigos. A empresa acrescentou que não encontrou nenhuma evidência de acesso “a serviços de produção ou dados de clientes”.

“A investigação, que está em andamento, também não encontrou indícios de que nossos sistemas tenham sido usados para atacar outros”, disse.

(Por Raphael Satter)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).