SÃO PETERSBURGO (Reuters) – A seleção da Espanha venceu a disputa de pênaltis contra a Suíça por 3 x 1, nesta sexta-feira, com Mikel Oyarzabal sendo responsável pela cobrança decisiva após o suíço Ruben Vargas disparar por cima do travessão, no confronto de quartas de final da Eurocopa que terminou empatado por 1 x 1 no tempo normal e na prorrogação, em São Petersburgo.

A Espanha abriu o placar logo no início, quando chute de Jordi Alba de fora da área foi desviado para a própria rede por Denis Zakaria. Mas Xherdan Shaqiri aproveitou um erro defensivo para empatar o placar em 1 x 1, antes de o meio-campista suíço Remo Freuler levar cartão vermelho direto aos 32 minutos do segundo tempo.

Não surpreendentemente, dada a sua vantagem numérica, a Espanha dominou a prorrogação e criou uma série de chances, enquanto a Suíça se fechava esperando os pênaltis, talvez ciente de que seu adversário havia perdido as últimas cinco disputas de penalidades, incluindo duas contra eles em um jogo da Liga das Nações em novembro.

A Espanha enfrentará o vencedor do jogo entre Bélgica e Itália, na semifinal, em Londres, na terça-feira.

(Reportagem de Nick Said)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).