Por Aluisio Alves

SÃO PAULO (Reuters) – A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) anunciou nesta quinta-feira a admissão das três primeiras startups para seu programa de sandbox regulatório.

O programa incluirá a plataforma de captação e registro Basement; a Finchain, que reúne a Beegin, de crowdfunding; a Câmara Interbancária de Pagamentos (CIP) e a Flow; e a fintech de infraestrutura de mercado Vórtx.

A Basement terá licença temporária para atuar como escrituradora, podendo atender empresas limitadas que pretendam fazer ofertas públicas de papéis.

Os outros projetos envolvem a emissão, distribuição pública e negociação, em mercado de balcão organizado, de tokens em redes de blockchain.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).