Por Maria Ponnezhath e Nivedita Balu

(Reuters) – A Apple disse a seus fornecedores de peças que a demanda pela linha do iPhone 13 diminuiu, informou a Bloomberg na quarta-feira, citando pessoas a par do assunto.

A empresa cortou a produção do iPhone 13 em até 10 milhões de unidades, abaixo da meta de 90 milhões, devido à escassez global de chips, mas agora informou aos fornecedores que até mesmo esses pedidos podem não se realizar, disse a reportagem.

A temporada de férias é o maior trimestre da Apple em termos de receita e um teste para o interesse dos consumidores nos mais recentes iPhones e MacBooks da empresa.

Analistas esperavam que a demanda ficasse praticamente estável para novos produtos, mas reduziram estimativas à medida que os problemas da cadeia de fornecimento sobrecarregaram fabricantes, com muitos parceiros varejistas alertando sobre a escassez de produtos antes da temporada de compras natalinas.

O presidente-executivo da Apple, Tim Cook, alertou em outubro que o impacto das restrições de oferta, que custou à empresa 6 bilhões de dólares em vendas no trimestre anterior, será pior neste fim de ano.

A Apple e seus fornecedores 3M, Broadcom e Advanced Micro Devices não responderam imediatamente aos pedidos de comentários.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).