LONDRES (Reuters) – O Reino Unido registrou o terceiro caso da variante recém-identificada do coronavírus, a ômicron, disse a Agência de Segurança de Saúde (UKHSA) do país neste domingo, acrescentando que o indivíduo, que não estava mais em território nacional, havia viajado ao sul da África.

A agência afirmou que, enquanto estava no Reino Unido, o indivíduo ficou em Westminster, no centro de Londres.

“Nossos recursos avançados de sequenciamento nos permitem encontrar variantes e tomar medidas rápidas para limitar a propagação”, disse Jenny Harries, presidente-executiva da UKHSA, em um comunicado.

“É muito provável que encontraremos mais casos nos próximos dias, como estamos vendo em outros países globalmente e conforme aumentamos a detecção de casos por meio do rastreamento de contato focado.”

(Por Elizabeth Piper)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).