Por David Stanway

KUNMING, China (Reuters) – O presidente da China, Xi Jinping, anunciou o lançamento de um fundo de 1,5 bilhão de iuanes (232,47 milhões de dólares) para sustentar a proteção à biodiversidade em países em desenvolvimento, conforme continuam as negociações sobre um novo pacto global pós-2020 para lidar com a perda de espécies.

Xi estava falando virtualmente na cúpula de biodiversidade COP15 em Kunming, China, onde diplomatas cientistas e conservacionistas estão se reunindo para apresentar as bases de um acordo global para interromper e reverter a destruição da natureza, a ser finalizado em maio do próximo ano.

“Os países em desenvolvimento precisam de ajuda e suporte, e a solidariedade precisa ser fortalecida para permitir que os países em desenvolvimento se beneficiem de uma maneira mais justa”, disse Xi.

Li Shuo, assessor climático sênior do Greenpeace China, disse que o novo fundo “deve impulsionar uma conversa urgentemente necessária sobre financiamento da biodiversidade”.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).