Por Rajendra Jadhav

MUMBAI (Reuters) – Pelo menos 67 pessoas morreram no Estado de Maharashtra, no oeste da Índia, disseram as autoridades nesta sexta-feira, após chuvas torrenciais de monções causarem deslizamentos de terra e enchentes em áreas baixas, isolando centenas de vilas.

Parte da costa oeste da Índia recebeu até 594 mm de chuva em 24 horas, forçando as autoridades a retirarem pessoas de áreas vulneráveis enquanto liberavam água de represas que ameaçavam transbordar.

“Chuvas inesperadas e muito fortes provocaram deslizamentos de terra em muitos lugares e rios inundados”, disse o ministro-chefe Uddhav Thackeray, que lidera o governo estadual de Maharashtra, a jornalistas.

“Represas e rios estão transbordando. Somos forçados a liberar água das represas e, portanto, estamos mudando pessoas que moram perto das margens dos rios para locais mais seguros.”

A Marinha e o Exército estavam ajudando as operações de resgate em áreas costeiras, acrescentou.

As chuvas sazonais das monções entre junho e setembro causam mortes e deslocamentos em massa ao redor do sul da Ásia todos os anos, mas elas também entregam mais de 70% das chuvas da Índia e são cruciais para os agricultores.

(Por Rajendra Jadhav)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).