BRUXELAS (Reuters) – O Irã ainda não está pronto para retomar as conversas com potências mundiais a respeito de seu programa nuclear, e sua nova equipe de negociação quer debater os textos que serão apresentados quando se reunir com a União Europeia em Bruxelas nas próximas semanas, disse uma autoridade de alto escalão do bloco nesta sexta-feira.

Enrique Mora, diretor político da UE e principal coordenador das conversas, estava em Teerã na quinta-feira para se encontrar com a equipe de negociação nuclear iraniana quatro meses depois de os debates entre o Irã e as potências mundiais travarem.

Até agora, o presidente iraniano, Ebrahim Raisi, se recusou a reiniciar conversas indiretas com os Estados Unidos em Viena a respeito da retomada mútua do cumprimento do acordo, conforme o qual o Irã limitou seu programa nuclear em troca de uma alívio das sanções econômicas.

Diplomatas da França, do Reino Unido e da Alemanha, que são integrantes do acordo, assim como China e Rússia, disseram antes da visita de Mora que esta acontece em um momento crítico e que as coisas não podem ser vistas como “vida que segue”, dada a escalada das atividades nucleares iranianas e a suspensão das negociações.

Os EUA disseram que o tempo está se esgotando

“Eles não estão prontos para interagir em Viena”, disse a autoridade aos repórteres sob condição de anonimato, acrescentando que acredita que Teerã está “absolutamente decidida a voltar a Viena e encerrar as negociações”.

A República Islâmica disse várias vezes que as retomará “em breve”, mas sem dar um prazo claro.

(Por Phillip Blenkinsop em Bruxelas)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).