(Reuters) – O divórcio entre Bill Gates e Melinda French Gates, cofundadores de uma das maiores fundações de caridade privadas do mundo, foi finalizado nesta segunda-feira, de acordo com o Business Insider, citando documentos judiciais.

O casal pediu o divórcio em 3 de maio, após 27 anos de casamento, mas prometeu continuar seu trabalho filantrópico juntos.

A Fundação Bill & Melinda Gates, sediada em Seattle, tornou-se uma das forças mais poderosas e influentes na saúde pública global, com gastos superiores a 50 bilhões de dólares nas últimas duas décadas para promover uma abordagem empresarial para combater a pobreza e as doenças.

Os Gates apoiaram programas amplamente elogiados de erradicação da malária e da poliomielite, nutrição infantil e vacinas. A fundação no ano passado comprometeu cerca de 1,75 bilhão de dólares para o alívio da Covid-19.

(Reportagem de Brendan O’Brien em Chicago)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).