WASHINGTON (Reuters) – O pacote de estímulo do plano de resgate norte-americano de 1,9 trilhão de dólares do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, em março contribuiu para o fortalecimento da demanda, mas é apenas um pequeno fator nas atuais taxas de inflação mais altas, disse a secretária do Tesouro dos EUA, Janet Yellen, a congressistas nesta quarta-feira.

Yellen afirmou ao Comitê de Serviços Financeiros da Câmara que o pacote de estímulo claramente impulsionou a demanda, mas que não é uma “suposição justa” dizer que ultrapassou a necessidade e alimentou os atuais picos de inflação.

“É certamente verdade que o Plano de Resgate Americano colocou dinheiro no bolso das pessoas… e contribuiu para uma forte demanda na economia dos EUA, mas se você olhar a quantidade de inflação que temos e suas causas, isso é no máximo um pequeno contribuidor”, disse ela.

(Por Andrea Shalal, Ann Saphir, Lindsay Dunsmuir e David Lawder)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).