WASHINGTON (Reuters) – As vendas no varejo dos Estados Unidos cresceram inesperadamente em agosto, provavelmente impulsionadas pelas compras de volta às aulas e pagamentos de crédito fiscal infantil do governo, o que pode reduzir as expectativas de uma desaceleração acentuada no crescimento econômico no terceiro trimestre.

As vendas no varejo subiram 0,7% no mês passado, informou o Departamento de Comércio na quinta-feira. Os dados de julho foram revisados para baixo, mostrando que as vendas no varejo caíram 1,8%, em vez de 1,1%, conforme publicado anteriormente.

Economistas ouvidos pela Reuters previam que as vendas no varejo cairiam 0,8%.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).