SÃO PAULO (Reuters) – O Tesouro Nacional vai levantar até 3 bilhões de reais se todos os lotes de frequência do leilão 5G marcado para a próxima semana forem vendidos, afirmou nesta quarta-feira o superintendente de competição da Anatel, Abraão Balbino.

Quinze empresas e grupos de empresas apresentaram nesta quarta-feira documentação para se credenciarem para participar do leilão marcado para 4 de novembro. Entre elas estão cinco operadoras de telefonia móvel do país: Vivo, Claro, TIM, Algar Telecom e Sercomtel.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).