Por Devik Jain e Shashank Nayar

(Reuters) – Os principais índices de Wall Street subiam em meio a negociações instáveis nesta segunda-feira, liderados por ganhos nas ações de Tesla e PayPal, enquanto investidores se preparavam para a divulgação de balanços de grandes empresas de tecnologia nesta semana que poderão fornecer orientação aos mercados.

A Tesla subia 4,5% e foi a uma máxima recorde depois que a locadora de automóveis Hertz fez um pedido de 100 mil carros à empresa, enquanto o Morgan Stanley aumentou seu preço-alvo para as ações da fabricante de veículos elétricos.

Seus papéis proporcionavam o maior impulso para o S&P 500 e o Nasdaq, seguidos pelo PayPal, que saltava 4,9% depois que a empresa de pagamentos descartou planos de comprar o Pinterest por até 45 bilhões de dólares. As ações do Pinterest despencavam 13,6%.

Cinco dos 11 principais setores do S&P avançavam. As ações de energia se destacavam, com ganho de 1,9%.

O Facebook, que dará início à divulgação dos resultados trimestrais de gigantes da tecnologia de mega capitalização ainda nesta segunda-feira, após o fechamento dos mercados, caía 0,3%. Os investidores temem que sua receita oriunda de anúncios possa sentir o impacto de mudanças de privacidade do iPhone, da Apple, que afetaram o balanço da Snap Inc no terceiro trimestre.

As ações de Microsoft, Apple, Alphabet e Amazon.com, que têm, juntas ao Facebook, peso de 22% no S&P 500, também caíam, limitando ganhos no S&P 500 e no Nasdaq.

Às 12h11 (horário de Brasília), o Dow Jones subia 0,14%, a 35.725,76 pontos. O S&P 500 avançava 0,24%, a 4.555,90 pontos, enquanto o Nasdaq tinha alta de 0,46%, a 15.160,09 pontos.

(Por Devik Jain)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).