A Selfit, uma rede de academias low cost, chega a São Paulo com o objetivo de ganhar clientes em um segmento que hoje é liderado pela Smart Fit. Com mensalidades a partir de R$ 69,90, a principal diferença da nova rede será uma ampla grade de aulas, como dança, spinning ou funcional.

“O forte da Smart Fit são os exercícios cardiorrespiratórios e os treinos de musculação, por isso quase 70% de seu público é masculino. Com equipamentos de primeira e uma grade com até 300 aulas diferentes, conseguimos diversificar nosso público”, disse Leonardo Farra, diretor de marketing da Selfit.

Vamos começar pelos números: quantas academias a Selfit tem? São cerca de 60 e a empresa vai fechar o ano com 70 unidades. Para 2020, estão previstas mais 50 inaugurações. Em São Paulo, a programação é abrir academias Selfit no shopping Lar Center, em Moema (alameda dos Arapanés) e na Vila Santa Clara, na zona leste da cidade.

Qual o valor da mensalidade? Há dois planos: o light e o plus. No light, as mensalidades varam de R$ 69,90 a R$ 79,90, dependendo da localização da academia, enquanto no plus o valor sobe para R$ 89,90.

Qual a diferença entre esses planos? O plano light dá direito aos treinos de musculação. Já o plano plus inclui as aulas. “A diferença de preço é pequena, justamente para o aluno perceber que gosta de aula ver que é possível mudar de plano”, afirma Farra.

Mas só dá para fazer aula quem tiver o plano plus? Não, e esse é um dos grandes diferenciais da Selfit. É possível comprar aulas avulsas por R$ 9,90. Basta reservar a aula em um totem da academia.

O objetivo do preço baixo é mirar o público de menor renda? Não. Farra diz que o objetivo é focar nos clientes das classes A e B, que dão valor ao preço, mas também à qualidade dos serviços oferecidos. “Nossos equipamentos são de primeira, nossas aulas também”, afirma Farra.

A Selfit vai estar no Gympass? O executivo diz que não. Mas não descarta criar um aplicativo próprio para agregar outras academias. Hoje, o aluno da Selfit pode frequentar qualquer unidade da rede do país, sem custos adicionais.

As academias são todas próprias? Hoje são, mas a Selfit tem planos de começar a trabalhar com o modelo de franquia a partir de 2020. O investimento inicial é de cerca de R$ 3 milhões.

Quais os diferenciais do atendimento da rede Selfit? As academias não possuem recepção. E as unidades oferecem aulas exclusivas de bike e gamification.

Fachada da Selfit

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).