SÃO PAULO (Reuters) – O principal índice de ações brasileiras tinha desvalorização nos primeiros minutos de negócios desta terça-feira, novamente na contramão do movimento majoritário dos mercados globais, em meio a continuados temores com a questão fiscal no país.

Às 10:15, o Ibovespa mostrava baixa de 1,32%, aos 112.912 pontos.

De acordo com especialistas, notícias sobre nova proposta de arranjo de benefícios sociais, incluindo o Auxílio Brasil e duas parcelas complementares do auxílio emergencial pagas, uma dentro e outra fora do teto dos gastos, pesam nos negócios.

“Os mercados devem ficar na defensiva, enquanto observam o desenrolar dos acontecimentos”, afirmou o economista-chefe da SulAmérica Investimentos, Newton Rosa, em nota a clientes.

(Por Aluísio Alves)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).