SÃO PAULO (Reuters) – O Nubank conseguiu lucro no primeiro semestre em suas operações no Brasil, depois de atrair mais clientes para seu cartão de crédito, informou a instituição financeira nesta quarta-feira (13).

O Nubank reportou lucro líquido de R$ 76 milhões de janeiro a junho, seu primeiro semestre no azul. No mesmo período do ano anterior, Nubank teve prejuízo de R$ 95 milhões.

A fintech tem como investidor a Berkshire Hathaway, de Warren Buffett.

O lucro ocorre no momento em que a maior fintech da América Latina planeja uma oferta inicial de ações (IPO) nos Estados Unidos no início de 2022, esperando uma avaliação de mais de US$ 55 bilhões.

Os resultados não incluem as operações na Colômbia e no México, embora o Brasil seja de longe o maior mercado do Nubank.

O diretor financeiro do Nubank, Guilherme Lago disse no balanço que o volume total de pagamentos dobrou em relação ao ano anterior, para 92 bilhões de reais, acrescentando que os clientes têm usado os cartões de crédito com mais frequência.

A carteira de empréstimos, segundo dados do Banco Central, encerrou junho em R$ 23 bilhões, quase o dobro do ano anterior. O Nubank adicionou mais de 8 milhões de novos clientes desde dezembro, disse Lago, e encerrou junho com 41 milhões de contas.

(Por Carolina Mandl)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).