Por Enrico Dela Cruz

(Reuters) – Os contratos futuros do minério de ferro negociados em Dalian e Cingapura avançaram nesta segunda-feira, interrompendo uma sequência de cinco dias de quedas, devido a uma recuperação nas margens do aço na China, maior compradora global da matéria-prima siderúrgica.

O contrato mais negociado do minério de ferro na bolsa de commodities de Dalian, fechou em alta de 0,9%, a 1.136,50 iuanes (175,22 dólares) por tonelada.

O minério de ferro em Dalian havia registrado na sexta-feira sua maior perda semanal em 17 meses, em função de temores relacionados às restrições aplicadas pela China à produção de aço.

Na bolsa de Cingapura, o contrato mais ativo do minério de ferro avançava 0,7%, a 198,75 dólares por tonelada.

“A queda nos custos do minério de ferro e o aumento nos preços do aço resultaram em uma forte recuperação nas margens do aço”, disse Atilla Widnell, diretor-gerente da Navigate Commodities em Cingapura.

O vergalhão de aço e a bobina laminada a quente avançaram 0,4% cada na bolsa de futuros de Dalian. O aço inoxidável chegou a subir 2,9%, para uma máxima recorde de 19.755 iuanes por tonelada.

(Reportagem de Enrico Dela Cruz, em Manila)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).