O PayPal reportou nesta quarta-feira (29) alta de 86% no lucro do segundo trimestre, com a processadora de pagamentos de comércio eletrônico se beneficiando da migração para compras online em meio à pandemia de coronavírus.

O lucro líquido aumentou para US$ 1,53 bilhão, ou US$ 1,29 por ação, no trimestre encerrado em 30 de junho, de US$ 823 milhões, ou US$ 0,69 por ação, um ano antes.

Os resultados refletiram um ganho de investimento não realizado no valor de US$ 0,58 por ação e incluíram reservas adicionais para perdas com empréstimos no valor de US$ 0,07 por ação, abaixo da adição de US$ 0,17 por ação em provisão no primeiro trimestre.

Em uma base ajustada, a empresa disse que o lucro líquido subiu para US$ 1,26 bilhão, ou US$ 1,07 por ação, ante US$ 848 milhões, ou US$ 0,71 por ação, um ano antes.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).