SÃO PAULO (Reuters) – A Itaúsa, holding controladora do Itaú Unibanco, anunciou nesta segunda-feira que teve lucro líquido recorrente de 2,675 bilhões de reais no terceiro trimestre, aumento de 35,4% ante mesma etapa de 2020.

No relatório, a companhia afirmou que o avanço refletiu sobretudo do melhor resultado do Itaú, beneficaido pela expansão da carteira de crédito, melhor margem com calotes, além do crescimento da despesas em ritmo inferior ao da inflação.

Entre as empresas industriais do portfólio da Itaúsa, a fabricante de calçados Alpargatas teve crescimento de 12,7% da receita líquida, enquanto a produtora de louças sanitárias e paineis de madeira Dexco também teve expansão em todas suas principais linhas.

Por outro lado, a empresa de transporte e distribuição de gás natural NTS e a da gás de cozinha Copa Energia tiveram os resultados pressionados, a primeira por efeitos cambiais e a última por despesas com a compra da Liquigás.

A partir de julho, Itaúsa passou a contabilizar os resultados da empresa de saneamento básico Aegea. Ela também tem participação na plataforma de investimentos XP, cujos resultados também contribuíram para o crescimento do lucro.

(Por Aluísio Alves, edição Alberto Alerigi Jr.)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).