A Locaweb, empresa de serviços de internet e armazenamento de dados na nuvem que tem como principal público pequenas e médias empresas, estreia no pregão da B3 nesta quinta-feira (dia 6). O seu IPO (oferta pública de ações, na sigla em inglês) atraiu uma demanda superior à colocação de ações pela companhia.

O preço da ação na estreia foi estabelecido em R$ 17,25, no teto da faixa indicativa de valores. Com a forte demanda, a empresa decidiu vender lote adicional e deve levantar R$ 1,2 bilhão, segundo a CVM (Comissão de Valores Mobiliários). O valor é maior que o inicialmente estimado, de R$ 940 milhões.

Quer saber mais sobre a Locaweb? O 6 Minutos preparou uma matéria de análise sobre o IPO.

Quantas ações foram negociadas? Cerca de 68,8 milhões de ações, conforme informou a CVM.

Como o dinheiro será usado? Para reforçar o capital da empresa e fazer aquisições estratégicas. O objetivo é manter o crescimento, que ganhou mais tônus no ano passado, a partir da compra do KingHost, empresa de hospedagem de sites e um dos principais concorrentes.

Mas acionistas importantes, como os sócios fundadores Gilberto Mautner e Claudio Gora e a empresa americana de private equity Silver Lake, se desfizeram parcialmente ou totalmente de suas participações, respectivamente, e embolsaram esses recursos.

Como identificar a empresa na B3? A empresa deve estrear no pregão da B3 na quinta-feira (6) com as ações negociadas sob o código LWSA3.

Quem coordenou a operação? Itaú BBA, Goldman Sachs, Morgan Stanley e XP Investimentos são os coordenadores do negócio.

(Com a Reuters)

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).