A Klabin reportou prejuízo líquido de R$ 191,217 milhões no terceiro trimestre de 2020. Com o desempenho, a empresa reverteu o lucro líquido de R$ 207,427 milhões na comparação com igual período do ano anterior. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (26) em balanço enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado caiu 12% no período, para R$ 1,233 bilhão (ante o mesmo período do ano passado. Enquanto isso, a receita da companhia fechou o trimestre em R$ 3,177 bilhões. O resultado representa crescimento de 13,09% ante R$ 2,809 bilhões na mesma base de comparação.

No relatório de resultados, a companhia diz que observou no mercado brasileiro uma forte aceleração de demanda em setores que foram impactados pela crise do coronavírus, como por exemplo o de materiais de construção, e alguns mercados de bens duráveis. “Aliado ao seu ótimo desempenho operacional, o posicionamento comercial da Klabin para o atendimento tanto desses mercados quanto aos de primeira necessidade, como alimentos e higiene e limpeza, impulsionaram os resultados da companhia no período”, diz a Klabin.

A empresa reportou ainda prejuízo líquido atribuído aos sócios da empresa controladora de R$ 198,883 milhões. Diante deste número, a companhia reverteu o lucro líquido atribuído aos controladores de R$ 215,195 milhões em igual período do ano anterior.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).