O ex-presidente do Banco Central Ilan Goldfajn foi nomeado presidente do conselho do Credit Suisse no Brasil.

O executivo comandou o BC entre 2016 e 2019, nomeado na gestão do ex-presidente Michel Temer. Antes foi economista-chefe e sócio do Itaú Unibanco.

Ilan Goldfajn

O ex-presidente do Banco Central Ilan Goldfajn
Crédito: Adriano Machado/Reuters

Qual é o contexto da empresa? O Credit Suisse busca se fortalecer nas economias atrativas do G20. Em comunicado, o banco diz que o executivo atuará no desenvolvimento das áreas de gestão de patrimônio e grandes operações. Goldfajn assume a posição em 16 de setembro.

“Na posição de presidente do conselho, não estatutário, Ilan desempenhará o papel estratégico de promover uma colaboração cada vez mais forte entre todas as divisões do Credit Suisse no Brasil”, segundo o comunicado.

“Além disso, participará ativamente de discussões sobre cenários de médio e longo prazos, analisará oportunidades de investimento, buscará e desenvolverá produtos e serviços e ajudará a definir estratégias de investimento.”

Quem mais integra o conselho? O CEO do Credit Suisse Brasil, José Olympio Pereira, o CEO da divisão de gestão de patrimônio, Marco Abrahão, e Sávio Barros, vice-chairman da divisão.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).