A Hapvida informa que celebrou, através de sua subsidiária integral Hapvida Assistência Médica, contrato para a aquisição de 100% do capital da operadora de planos de saúde Premium Saúde, por R$ 150 milhões. Segundo a empresa, a operação está em linha com sua estratégia de expansão e consolidação nacional.

Em fato relevante enviado à CVM (Comissão de Valores Mobiliários), a empresa explica que do valor será deduzido o montante referente às variações da dívida líquida e do capital de giro da Premium Saúde. “Este valor poderá ser reduzido, ainda, diante de ajuste de preço decorrente de alterações verificadas na carteira de beneficiários quando da data da conclusão da Transação”, informa.

A Premium Saúde tem uma carteira de cerca de 125 mil beneficiários de planos de saúde localizados majoritariamente nas regiões metropolitanas de Belo Horizonte (MG) (65 mil vidas), Brasília (DF – 13 mil vidas), Montes Claros (MG – 9 mil vidas) e na região do Triângulo Mineiro (5 mil vidas) os quais são atendidos, atualmente, em rede credenciada.

Na região metropolitana de Belo Horizonte, possui cerca de 3% de market share. Aproximadamente 93% dos beneficiários estão em planos coletivos (tíquete médio de R$ 130) e o restante em planos individuais (tíquete médio de R$ 200).

A Premium Saúde registrou nos últimos 12 meses (base junho/20) receita total de R$ 143 milhões e sinistralidade consolidada de aproximadamente 78%. A Premium Saúde também conta com 10 mil beneficiários de planos odontológicos, sendo 5 mil localizados na região metropolitana de Belo Horizonte e 4 mil em Brasília.

Mercado

A empresa destaca no documento enviado à CVM que após a conclusão da Transação agora anunciada e da aquisição do Grupo Promed (anunciada em setembro) – ambas sujeitas às aprovações regulatórias – o Hapvida alcançará 13% de market share no município de Belo Horizonte e 14,3% na região metropolitana, o que configuraria um participação total de 8,2% no Estado de Minas Gerais, contando com mais de 420 mil beneficiários de planos de saúde.

A rede própria no Estado de Minas Gerais contará com 4 hospitais e 7 clínicas de atendimento primário oriundas da aquisição do Grupo Promed, além do Hospital Mário Palmério em Uberaba. Há, ainda, um hospital em fase de construção em Uberlândia, cuja inauguração está prevista para o segundo semestre de 2021. “A robusta infraestrutura assistencial permitirá que a companhia consiga verticalizar o atendimento dos beneficiários da Premium Saúde, acelerando a captura de sinergias projetadas. A Transação, nesse sentido, é absolutamente sinérgica!”, afirma a empresa.

A conclusão da transação, como de praxe, está sujeita a determinadas condições precedentes incluindo a apreciação e aprovação pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). A companhia esclarece que a operação não deverá gerar direito de retirada, na forma da legislação aplicável.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).