A preocupação da população com a qualidade do que consome está impactando no cardápio das principais redes de fast food do mundo. McDonald’s e Burger King anunciaram hoje medidas de redução de ingredientes artificiais de seus cardápios.

O que elas anunciaram exatamente? São estratégias diferentes:

McDonald’s: A Arcos Dorados, maior franquia independente do McDonald’s no mundo, anunciou a eliminação de corantes e aromatizantes artificiais de seus principais ingredientes. Esses aditivos serão substituídos em parte por opções de origem natural.

” Essas substituições são resultado de muitos testes e grandes mudanças nos processos produtivos”, destaca Paulo Camargo, presidente do McDonald’s Brasil.

Burger King: anunciou a chegada do Whopper livre de conservantes de origem artificial em sua composição. Para transformar o carro-chefe do BK no mundo, a empresa passou dois anos realizando pesquisas e adequações na cadeia produtiva.

O que as empresas tentam com essa estratégia? Elas querem provar que dá para fazer comida de fast food com menos produtos artificiais. O Burger King diz que seu lançamento “provoca toda a indústria a repensar sua forma de ofertar os produtos desse mercado, afinal, para o BK, fast-food não é sinônimo de trash-food”.

Mas o que incentivou as mudanças? Os próprios clientes passaram a pedir por produtos menos artificiais. Pesquisa realizada pela Globescan mostrou que uma das principais demandas dos consumidores do McDonald’s no Brasil é a redução de ingredientes artificiais em seus produtos.

De acordo com o BK, pesquisas apontam o Brasil como 4° colocado no ranking global de alimentação saudável – 22% da população brasileira opta por comprar alimentos naturais e sem conservantes.

Que produtos já foram impactados pelas medidas? No caso do McDonald’s, foram retirados aromatizantes artificiais de ingredientes como Mix de Baunilha, Molho Big Mac, Molho Ranch e Mostarda, além da remoção de corantes e aromatizantes artificiais do Queijo Cheddar (em fatia) e do Molho Barbecue. As mudanças afetam diretamente produtos como Big Mac, Cheeseburger e Quarterão, cujos pães já não possuíam nenhum destes aditivos artificiais, assim como o Molho Agridoce, Molho Caipira, Ketchup, Picles e Chicken McNuggets.

Fast food entra na disputa por redução de corantes e aromatizantes
Crédito: Shutterstock

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu WhatsApp? É só entrar no grupo pelo link: https://6minutos.uol.com.br/whatsapp.