SÃO PAULO (Reuters) – A companhia aérea Gol divulgou nesta terça-feira que a demanda por seus voos foi 36,8% maior em setembro do que um ano antes, quando a empresa e todo o setor aéreo ainda sofriam maiores impactos causados pela pandemia.

Na comparação com agosto, a demanda subiu 0,7% enquanto a oferta teve incremento de 2,1%, segundo dados divulgados pela empresa no mês passado.

A companhia afirmou que no terceiro trimestre a demanda foi 87,5% maior que a registrada de julho a setembro de 2020 e que sua oferta de assentos subiu 38,1% em setembro e 82,5% no terceiro trimestre, nos comparativos anuais.

A Gol seguiu sem fazer voos internacionais e transportou um total de 1,6 milhão de passageiros no mês passado, alta de 47,8% sobre setembro de 2020. O número de clientes transportados no trimestre passou de 2,6 milhões para quase 5 milhões.

A ocupação das aeronaves da empresa no terceiro trimestre foi de 81,4% ante 79,3% na comparação anual.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).