Após um período de expansão agressiva no Brasil, em que chegavam a abrir 150 restaurantes por mês, o Subway agora está mais seletivo. Para quem deseja ter um restaurante da marca, é importante saber inglês para se comunicar com a matriz americana e ser bom em matemática para gerir o estoque e as finanças.

A seletividade da empresa está não só nas pessoas que aspiram à franquia, mas também em relação ao ponto comercial, de acordo com Michel Machado, diretor do Subway no Brasil.

“A estratégia de expansão hoje está mais pautada no franqueado que já está no sistema. Dessa forma, o processo é mais rápido Queremos crescer nos grandes centros comerciais, para facilitar o suporte e a cadeia de suprimentos”, diz.

Mas, ainda assim, a empresa aceita novos franqueados em praças onde ainda não está presente, segundo o executivo. A meta é abrir mais de 150 novos restaurantes no país, e as principais oportunidades são nos lugares chamados de “não convencionais”, como dentro de empresas, hospitais e universidades.

A marca fechou 2018 com 2.094 unidades e é a terceira maior rede de alimentação do país, segundo ranking da ABF (Associação Brasileira de Franchising), atrás apenas de McDonald’s e Cacau Show. São, aproximadamente, mil franqueados, segundo a empresa, e a maioria está na rede há mais de seis anos e são pessoas que saíram do mercado de trabalho.

Investimento parte de R$ 500 mil

Para entrar para o grupo, é necessário investir, no mínimo, R$ 500 mil, mas o valor pode passar de R$ 1 milhão, dependendo do tipo de loja – as de rua são mais caras do que as de shopping. Não há restrições quanto à origem do capital – se próprio, de terceiros ou de linhas de financiamento -, mas é feita uma avaliação da saúde financeira do candidato.

O processo seletivo começa com o preenchimento de uma ficha no site. A empresa avalia a disponibilidade da área de interesse e, em caso positivo, marca um encontro para apresentação do negócio. “Esse já é um filtro que elimina muita gente”, diz Machado.

A franqueadora está dividida em 13 regionais, que são o primeiro ponto de contato pessoal e também a área que oferecerá acompanhamento e suporte durante a operação. Na entrevista com a regional, são avaliados os objetivos do candidato, suas expectativas, questões de plano de negócios, modelo de investimento e competências pessoais.

“A ideia é trazer pessoas com características empreendedoras para a rede, hoje isso é muito relevante para nós. Temos uma matriz de avaliação que ‘rankeia’ o candidato e, se estiver dentros dos parâmetros, ele é aprovado”, explica.

Faça o teste para saber se você tem o perfil para ser franqueado.

Treinamento é na sede, em Curitiba

O processo de seleção leva de 30 a 60 dias. Depois da aprovação do candidato, é realizado o treinamento na sede, em Curitiba, que dura 15 dias úteis e inclui “test-drive” em loja.

São aulas teóricas, em que o novo franqueado aprende tudo sobre a operação, como financeiro, marketing e RH, e faz provas que exigem nota mínima para aprovação. Há também dois dias de experiência no restaurante, em que ele faz de tudo: de lanche a limpeza, usando uniforme. Sem isso, ele não pode abrir o restaurante e, se tiver sócio, os dois devem fazer.

“Treinamos nossos franqueados para que eles virem artistas de sanduíche, porque montar sanduíche é uma arte”, diz Machado.

O consultor Marcus Rizzo, da Rizzo Franchise, diz que o Subway começou sua expansão no Brasil de forma pouco seletiva, mas evoluiu suas práticas. “Eles foram para mercados em que não havia retorno na operação, mas o crescimento rápido os obrigou a ser mais seletivos. É natural uma franquia começar a crescer desordenadamente e depois se estruturar melhor”, afirma.

O diretor do Subway no Brasil dá dicas para facilitar a vida de quem deseja se tornar um franqueado da marca.

Motivos para ser aprovado:

  • Disponibilidade para se dedicar à operação
  • Características empreendedoras
  • É fortemente recomendado saber inglês e ser bom em matemática

Motivos para ser recusado:

  • Pendências com a Receita Federal
  • Antecedentes criminais, dependendo do tipo e do quão recente
  • Ser apenas investidor

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).