(Atualizado às 15h)

A campanha publicitária do Popeyes, que oferece mil lanches de graça para quem acreditou que o KFC tinha o “melhor frango frito do mundo”, não caiu bem entre os executivos da rede concorrente de fast-food. O KFC entrou com uma ação no Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) contra a promoção, que segundo a rede, tenta comparar os produtos de forma “desonesta e desrespeitosa”.

O que diz o KFC? A empresa afirmou, em nota, que a “campanha configura concorrência desleal, por parasitariamente tentar comparar produtos de forma desonesta e desrespeitosa”. O KFC pediu que a ação fosse imediatamente suspensa.

E o que diz o Popeyes? A rede afirma que recebeu uma representação do Conar nesta quinta pedindo para que retirasse o nome do órgão regulador de sua ação.

“Popeyes reforça que a promoção não teve como objetivo fazer uso indevido do nome do órgão, mas sim atender aos consumidores verdadeiramente apaixonados por frango frito, que continuam tendo até o dia 15 de abril para participar da ação”, afirmou em nota.

A ação promete um “The Sandwich”, lanche de frango frito da rede, de graça aos mil primeiros clientes da cidade de São Paulo (SP) que apresentarem um cupom fiscal de compra realizada no KFC entre os dias 30 de março e 2 de abril.

Como a ação surgiu? A promoção foi criada a partir de uma decisão do Conar que determinou a alteração no slogan “O Melhor Frango Frito do Mundo” do KFC.

Esta não é a primeira vez que empresas do ramo de fast food entram em embates. Em 2019, por exemplo, o Burger King protestou no Conar contra uma campanha do KFC, mas o processo foi arquivado.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).