O Facebook registrou lucro líquido de US$ 5,18 bilhões no segundo trimestre de 2020, uma alta de 98% na comparação com igual período do ano passado. O lucro por ação diluído ficou em US$ 1,80, acima da previsão de US$ 1,39 dos analistas consultados pelo FactSet.

A receita da empresa foi de US$ 18,687 bilhões, alta anual de 11%. Após o balanço, a ação da empresa subia 5,71% no after hours em Nova York, às 17h13 (de Brasília).

A receita com anúncios do Facebook ficou em US$ 18,321 bilhões no período, uma alta na comparação anual de 10%. O usuários ativos diários da rede ficaram em 1,79 bilhão em média para junho de 2020, um aumento de 12% na comparação anual.

Ainda assim, o Facebook afirma em seu comunicado que tem sido impactado pela pandemia, diante de “incertezas sem precedentes sobre nossa perspectiva de negócios”, como em todas as empresas.

Com isso, diz que o quadro para a companhia pode ser afetado por fatos que não estão sob seu controle, como a eficácia dos estímulos econômicos pelo mundo e flutuações cambiais.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu WhatsApp? É só entrar no grupo pelo link: https://6minutos.uol.com.br/whatsapp.