O ex-ministro da Fazenda Joaquim Levy vai integrar o time do Banco Safra. Seu nome foi anunciado nesta segunda-feira (22). Levy vai ocupar o cargo de diretor de Estratégia Econômica e Relações com Mercados.

Com 59 anos e natural do Rio de Janeiro, ele teve rápida passagem pelo comando do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), já durante o governo Bolsonaro. Foi ainda ministro da Fazenda durante o segundo mandato da ex-presidente Dilma Rousseff e diretor-geral e financeiro do Banco Mundial.

Mais recentemente, Levy estava desenvolvendo pesquisas sobre tecnologias sustentáveis e transição de economias para emissões líquidas zero de carbono na Universidade de Stanford, nos Estados Unidos.

O executivo desembarca no Safra em uma nova fase do banco, focada em diversificação de receitas e mais voltada ao varejo. Com patrimônio líquido de R$ 12 bilhões ao fim de março último, a instituição soma cerca de R$ 250 bilhões em ativos e carteira de crédito de R$ 110 bilhões. O banco integra o Grupo J.Safra, que atua no segmento financeiro há mais de 175 anos e que está presente em 25 países, com cerca de R$ 1 trilhão em ativos sob gestão.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).