ISTAMBUL (Reuters) – O presidente turco, Tayyip Erdogan, disse nesta sexta-feira que os juros cairão, acrescentando que a Turquia não vai voltar atrás em sua nova política econômica que prioriza produção, emprego e superávit em conta corrente, aprofundando a queda da lira.

Falando na província costeira do Egeu de Izmir, Erdogan disse que não permitirá que as pessoas sejam atropeladas por altas taxas de juros e que é contra o Fundo Monetário Internacional (FMI) e o Banco Mundial.

(Por Ali Kucukgocmen e Ezgi Erkoyun)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).