ANCARA (Reuters) – O presidente da Turquia, Tayyip Erdogan, disse que o país reduzirá a inflação e a volatilidade da taxa de câmbio por meio de juros baixos, noticiou a emissora NTV, após a lira despencar para mínimas históricas devido à política de agressiva flexibilização monetária pelo do banco central exigida pelo presidente.

Falando a repórteres em um voo de volta de Doha, Erdogan repetiu sua oposição a altas taxas de juros, acrescentando que as reservas cambiais da Turquia não são um problema, apesar das intervenções do banco central no mercado na semana passada.

Ele também culpou o acúmulo de estoques pela alta nos preços e ameaçou impor punições mais severas.

“Acredito que reverteremos esses ataques à moeda. Como sempre digo, se Deus quiser, isso também vai passar sem que percebamos. Que todos saibam disso”, disse Erdogan, segundo a NTV.

(Por Ece Toksabay e Tuvan Gumrukcu)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).