(Reuters) – A Energisa prevê investir 29,5 bilhões de reais até 2026 para diversificar seus negócios para além da distribuição de energia, que hoje corresponde a 92% de seu Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização).

Em 2026, a companhia espera ter uma presença muito maior nos segmentos de transmissão e geração renovável de energia elétrica. Esses segmentos, somados a novas soluções, como comercialização no mercado livre e a fintech Voltz, deverão responder por 25% do Ebitda do grupo daqui a cinco anos, ante uma fatia atual de 8%.

Com isso, a participação da distribuição no indicador deverá cair de mais de 90% para 75%, disse o presidente do grupo, Ricardo Botelho, em reunião com analistas e investidores.

(Por Letícia Fucuchima)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).