SÃO PAULO (Reuters) – O dólar abriu em queda nesta sexta-feira, operando abaixo de 5,20 reais, mas mantendo-se perto desse patamar psicológico, em um dia de recordes nos futuros de ações em Nova York e de leitura mais alta de inflação no Brasil.

Às 9h05, o dólar à vista caía 0,41%, a 5,1896 reais, depois de cair a 5,1873 reais (-0,46%).

No exterior, os mercados de câmbio tinham desempenho misto, mas as ações indicavam maior apetite por risco. Em Nova York, os futuros do Nasdaq 100 operavam acima de 15 mil pontos pela primeira vez.

Aqui, o IPCA-15, considerado a prévia da inflação oficial, subiu 0,72% em julho, acima da taxa de 0,64% esperada por economistas consultados em pesquisa da Reuters.

(Por José de Castro)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).