Por Pete Schroeder

WASHINGTON (Reuters) – Os democratas da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos devem propor o aumento da taxa de imposto corporativo a 26,5%, ante 21%, como parte de um plano que inclui aumentos de impostos sobre os mais ricos, empresas e investidores, de acordo com duas pessoas familiarizadas com o assunto.

Os democratas também devem propor uma sobretaxa de 3% sobre a renda individual acima de 5 milhões de dólares como parte de um projeto orçamentário de 3,5 trilhões de dólares.

Eles ainda avaliam elevar o imposto mínimo sobre a renda externa de empresas para 16,5%, de 10,5%, e o imposto sobre ganhos de capital para 28,8%, de 23,8%.

O pacote total de mudanças tributárias, resumido em documento de quatro páginas que circulou entre lobbystas e assessores do Congresso no domingo, deve levantar 2,9 trilhões de dólares em nova receita, cobrindo amplamente os custos do plano de investimento doméstico do presidente Joe Biden, de 3,5 trilhões.

(Reportagem adicional de David Shepherdson e Trevor Hunnicutt)

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5047 2984)) REUTERS CMO LB

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).