BRASÍLIA (Reuters) – A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira o texto-base do projeto de privatização dos Correios, uma vitória para a agenda de reformas do presidente Jair Bolsonaro sob críticas de oposicionistas.

Em votação conduzida pelo presidente da Câmara, a proposta foi aprovada por 286 votos a favor e 173 contra. Os deputados aprovaram o substitutivo apresentado pelo deputado Gil Cutrim (Republicanos-MA) e agora vão analisar destaques –análise separada de trechos da proposta.

Após a votação dos destaques, o texto seguirá para apreciação do Senado.

(Reportagem de Ricardo Brito)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).