A Embraer afirmou nesta segunda-feira (dia 27) que iniciou processo de arbitragem contra a Boeing, depois que a fabricante americana de aviões cancelou no fim de semana a compra do controle da divisão de aviação comercial da companhia brasileira.

O que é arbitragem? É um mecanismo para solucionar disputas em negociações sem passar pela Justiça, em um modelo mais rápido. O conflito é julgado por uma pessoa eleita pelos envolvidos, em um processo sigiloso.

A brasileira alega que a Boeing fabricou falsas alegações para rescindir o contrato, e disse que a americana vem adotando um “um padrão sistemático de atraso e violações repetidas” ao acordo entre ambas.

A Embraer também pode entrar com processo na Justiça? Hoje, em teleconferência, o presidente-executivo da fabricante do Brasil, Francisco Gomes Neto, não quis dar mais detalhes sobre o processo e se a empresa poderá abrir um processo na justiça do Brasil ou Estados Unidos.

Executivos da Embraer tentaram assegurar aos investidores que a companhia continua sólida, afirmando que a companhia encontrou US$ 1 bilhão em economias de custo em 2020 e que não teve nenhuma encomenda de avião cancelada por causa da crise do coronavírus.

Apesar disso, Gomes Neto disse que 2020 será “difícil” e que 2021 “será pior do que esperávamos”.

O que diz o governo brasileiro sobre o caso? O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou hoje que o governo pode negociar a venda da Embraer para outra empresa. Bolsonaro destacou que a decisão cabe a ele, já que o governo federal tem a chamada golden share, que dá ao governo poder de veto em decisões estratégicas na empresa.

“Estamos avaliando, tenho o golden share, é minha, eu assino, tá? Se o negócio realmente for desfeito, talvez recomece uma nova negociação com outra empresa”, disse o presidente ao sair do Palácio da Alvorada ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes.

(Com Reuters e Estadão Conteúdo)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).