BRASÍLIA (Reuters) – A diretora de Assuntos Internacionais e Riscos Corporativos do Banco Central, Fernanda Guardado, afirmou nesta quinta-feira que a autarquia prevê para o próximo mês a criação da linha financeira de liquidez sustentável dentro de suas ações verdes.

Ao participar do Seminário Sustentabilidade no 50º Ciclo de Reuniões do Mercosul Financeiro, Guardado indicou para dezembro a implementação de critérios de sustentabilidade na gestão das reservas internacionais e, para dezembro de 2022, a criação do bureau de crédito sustentável.

(Por Marcela Ayres)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).