WASHINGTON (Reuters) – O Banco Mundial continuará trabalhando para ajudar os países em desenvolvimento a melhorarem seu clima de negócios, disse o presidente do Banco Mundial, David Malpass, nesta segunda-feira, quando questionado sobre a decisão do banco de cancelar seu relatório “Doing Business” (Fazendo Negócios) após uma série de irregularidades nos dados e alegações de manipulação.

Indagado sobre como o banco reconstruirá sua credibilidade após o escândalo, Malpass disse que fortes produtos de pesquisa continuam sendo prioridade para o banco e acrescentou que o banco tem tomado “várias medidas” para melhorar a integridade das pesquisas, incluindo a promoção da economista-chefe Carmen Reinhart a um cargo de gestão sênior.

(Por Andrea Shalal e David Lawder)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).