Por Lewis Krauskopf

NOVA YORK (Reuters) – Investidores estão se voltando para uma saraivada de relatórios de balanços corporativos de gigantes de tecnologia e internet de Wall Street, à medida que ações de alto crescimento, que lideraram os mercados durante anos, enfrentam pressões regulatórias, obstáculos na cadeia de suprimentos e rendimentos crescentes dos títulos do Tesouro.

Apple Inc, Microsoft Corp, Alphabet Inc, Amazon.com Inc e Facebook Inc divulgam resultados trimestrais na próxima semana. Coletivamente, esses cinco nomes respondem por mais de 22% da ponderação no S&P 500, o que confere a seus movimentos enorme influência sobre o índice mais amplo.

Empresas que representam 46% do valor de mercado do S&P 500 devem publicar resultados trimestrais na próxima semana, de acordo com o Goldman Sachs.

Sólidos relatórios de lucros ajudaram a elevar o S&P 500 para novos recordes, com o índice de referência em alta de 5,5% até agora em outubro. Em setembro, o índice registrou sua maior queda percentual mensal desde o início da pandemia, em março de 2020.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).