A American Airlines registrou lucro líquido de US$ 19 milhões no segundo trimestre de 2021, ou US$ 0,03 por ação diluída. Em igual período de 2020, a empresa havia registrado prejuízo de US$ 2,067 bilhões (US$ 4,82 por ação). A receita da companhia aérea foi de U$S 7,5 bilhões de abril a junho, um crescimento de 87% em relação ao primeiro trimestre do ano e de 362% na comparação anual.

“Reformamos nossa rede, simplificamos nossa frota e tornamos nossa estrutura de custos mais eficiente, tudo para criar uma companhia aérea que supere seus concorrentes e agrade aos clientes”, afirma o CEO da companhia, Doug Parker, em comunicado.

Às 8h25 (pelo horário de Brasília), a ação da American Airlines caía 0,33% em Nova York. Desde a divulgação do balanço, o papel da empresa oscila entre altas e baixas nos negócios do pré-mercado.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).