Por Sruthi Shankar e Susan Mathew

(Reuters) – As ações europeias subiram nesta quinta-feira, atingindo o nível mais alto em mais de duas semanas, com os investidores apostando que uma recuperação econômica constante diante da pandemia dará suporte aos balanços corporativos, apesar de sinais de inflação elevada.

As ações de mineração saltaram 3,3%, maior ganho diário em três meses, enquanto os papéis de tecnologia subiram de novo.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 1,16%, a 1.804 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 1,2%, a 466 pontos.

As fabricantes de chips europeias, incluindo ASML, AMS e BE Semiconductor, ficaram entre os papéis com os maiores ganhos no setor de tecnologia, depois que a gigante de chips de Taiwan TSMC registrou um salto de 13,8% no lucro do terceiro trimestre em meio à crescente demanda por semicondutores.

O otimismo em torno dos balanços levou o STOXX 600 a reduzir a diferença em relação a sua máxima recorde para 2%.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,92%, a 7.207 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,40%, a 15.462 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 1,33%, a 6.685 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 1,23%, a 26.277 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,49%, a 8.925 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,49%, a 5.620 pontos.

(Por Luana Maria Benedito)

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).