A Superintendência de Seguros Privados (Susep) informou nesta sexta-feira, 3, que aprovou a isenção de cobrança do prêmio do seguro de Danos Pessoais por Veículos Automotores Terrestres (DPVAT) para o ano de 2022. A decisão segue como uma proposta para o Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), que fará reunião sobre o tema até o fim do ano.

Se confirmado pelo CNSP, será o segundo ano consecutivo em que motoristas ficam desobrigados a pagar esse seguro.

De acordo com a Susep, a decisão se baseia no fato de haver excedente de recursos na operação DPVAT suficiente para arcar com a cobertura do seguro no ano que vem. O excedente foi formado com os prêmios pagos pelos próprios proprietários de veículos ao longo dos anos.

A Susep lembrou que o CNSP já tem efetuado reduções sistemáticas no valor do prêmio. Sem nova arrecadação, a tendência é que esses recursos sejam consumidos com o pagamento das indenizações por acidentes de trânsito ao longo do tempo.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu celular? Estamos no Telegram (t.me/seisminutos) e no WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).