Os rendimentos da Poupança, do Ibovespa e do Certificado de Crédito Interbancário (CDI) perderam para a inflação em 2020. É o que aponta pesquisa feito pela Economatica considerando o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), divulgada nesta semana pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A inflação oficial fechou o ano em 4,52%, maior patamar desde 2016. E o levantamento mostra que nem todo desempenho positivo foi, de fato, ganho real no ano da pandemia de coronavírus.

Com isso, quem deixou o dinheiro na poupança teve perda real de 2,30%, pior desempenho desde 2002 e a segunda maior perda desde o Plano Real.

O Ibovespa, principal índice da bolsa brasileira, também fechou o ano no vermelho. Apesar de encerrar o ano com ganho anual de 3%, o Ibovespa teve perda real de 1,53%.

Outro indicador que fechou o ano com perdas foi o CDI, taxa utilizada para calcular rendimentos de alguns tipos de investimentos, como o CDB. Se descontado a inflação, o CDI teve perdas de 1,68%.

Veja o ranking de rentabilidade real dos principais investimentos, descontado o IPCA:

  1. Ouro: 49%
  2. Euro: 34%
  3. Dólar (ptax): 23%
  4. Ima-B: 1,81%
  5. Ihfa (Índice de Hedge Funds): 0,95%

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).