O preço médio de venda de imóveis residenciais ficou 3,67% mais caro em 2020, segundo o índice FipeZap divulgado nesta terça-feira (5).

Apesar do avanço, a valorização dos imóveis residenciais ficou abaixo dos principais índices inflacionários. O IPCA, que indica a inflação oficial do país e serve de guia para as políticas monetárias do Banco Central, deve fechar 2020 perto de 4,2%. Já o IGP-M, importante para o setor pois serve como base para o reajuste dos contratos de aluguel, deve ficar acima de 24% em 2020.

Em dezembro, o preço médio de venda do metro quadrado no país ficou em R$ 7.486.

Entre as capitais monitoradas, apenas Recife teve queda (-0,38%) em 2020. Nas demais capitais, os preços subiram: Brasília (+9,13%), Manaus (+8,76%), Curitiba (+8,10%), Maceió (+7,90%), Vitória (+7,49%), Florianópolis (+7,02%) e Campo Grande (+5,91%) lideraram as valorizações. Em São Paulo e no Rio de Janeiro, os preços médios de venda de imóveis residenciais encerraram o ano com altas acumuladas de 3,79% e 1,60%, respectivamente.

Rio de Janeiro (R$ 9.437/m²), São Paulo (R$ 9.329/m²) e Brasília (R$ 7.985/m²) são as capitais monitoradas com o preço médio do metro quadrado mais caro. No outro extremo estão Campo Grande (R$ 4.376/m²), Goiânia (R$ 4.483/m²) e João Pessoa (R$ 4.515/m²).

Onde é mais caro em SP? Em São Paulo, o preço do metro quadrado no bairro Cidade Jardim, por exemplo, custa R$ 22.681. Outros bairros com o metro quadrado mais caro são Vila Nova Conceição (R$ 18.590), Jardim Europa (R$ 16.101), Jardim Paulistano (R$ 16.080) e Ibirapuera (R$ 15.816).

Quem quer gastar menos deve investir em bairros como Bancários, onde o metro quadrado custa R$ 2.502, e Cidade Tiradentes (R$ 2.532).

Onde é mais caro no Rio? Já no Rio de Janeiro, os valores mais caros estão no Leblon (R$ 21.423), em Ipanema (R$ 18.629) e na Gávea (R$ 15.870). As opções mais baratas estão nos bairros Pavuna (R$ 2.221) e Turiaçu (R$ 2.322).

Como a pesquisa foi feita? O Índice FipeZap de Preços de Imóveis Anunciados acompanha o preço médio de apartamentos prontos em 50 cidades brasileiras com base em anúncios da internet. É desenvolvido em parceria pela Fipe e pelo Grupo Zap.

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).