A Caixa Econômica Federal divulgou nesta segunda-feira (5) o cronograma para os saques de até R$ 500 de cada conta ativa e inativa do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do PIS.

O que aconteceu? Os trabalhadores terão acesso aos recursos de maneira escalonada conforme a data de aniversário, a partir de 13 de setembro para quem tem conta poupança na Caixa. A previsão do governo é de que as medidas anunciadas no mês passado para os fundos injetem R$ 30 bilhões na economia este ano e R$ 12 bilhões no próximo.

Crédito: Aloisio Mauricio/Fotoarena/Estadão Conteúdo

Como vai funcionar o calendário para quem não tem conta na Caixa? As cerca de 63 milhões de pessoas que não possuem conta poupança na Caixa vão sacar de acordo com o  cronograma abaixo, dependendo do mês de aniversário do cotista do FGTS.

Janeiro – a partir de 18 de outubro de 2019

Fevereiro – a partir de 25 de outubro de 2019

Março – a partir de 8 de novembro de 2019

Abril – a partir de 22 de novembro de 2019

Maio – a partir de 6 de dezembro de 2019

Junho – a partir de 18 de dezembro de 2019

Julho – a partir de 10 de janeiro de 2020

Agosto – a partir de 17 de janeiro de 2020

Setembro – a partir de 24 de janeiro de 2020

Outubro – a partir de 07 de fevereiro de 2020

Novembro – a partir de 14 de fevereiro de 2020

Dezembro – a partir de 6 de março de 2020

O prazo final para que todos os trabalhadores realizem os saques de até R$ 500 por conta do FGTS acaba em 31 de março de 2020.

Regra para cliente da Caixa é diferente Os 33 milhões de trabalhadores que têm conta poupança na Caixa receberão os recursos automaticamente, segundo o seguinte cronograma por mês de aniversário:

Entre janeiro a abril: a partir de 13 de setembro de 2019

Entre maio e agosto: a partir de 27 de setembro de 2019

Entre setembro e dezembro: a partir de 9 de outubro de 2019

Se tenho conta poupança na Caixa, sou obrigado a receber o crédito automático? Não. Caso o trabalhador não queira receber, poderá solicitar o cancelamento a partir do dia 09 de agosto pelo Internet Banking CAIXA, pelo aplicativo FGTS ou através do site da Caixa.

Como saber quanto tenho de saldo nas minhas contas de FGTS? A Caixa disponibilizou uma página em que é possível saber o saldo, o calendário de pagamento e o local mais conveniente para atendimento. Acesse aqui. ​Além disso, a Caixa lançou uma nova versão do aplicativo FGTS, disponível para download nas lojas App Store e Google Play, que poderá ser baixado entre hoje e amanhã.

Outra opção é a central de atendimento criada para fornecer informações sobre o saque, no telefone 0800-724-2019.

E para saber se tenho direito ao PIS? O PIS poderá ser sacado para quem trabalhou entre 1971 a 4 de outubro de 1988 com carteira assinada. A Caixa criou uma página exclusiva para consulta, que pode ser acessada aqui ou através do aplicativo Caixa Trabalhador.

Que documentos devo levar às agências da Caixa para sacar? Nas lotérias, é necessário o documento de identificação e o CPF. Nos correspondentes Caixa Aqui, deve-se levar o documento de identificação e o cartão do cidadão com senha. É possível ainda sacar nos terminais de autoatendimento usando o CPF e a senha Cidadão.

É possível fazer saques nas lotéricas? Somente nos casos em que o saque é de até R$ 100 por conta do FGTS. Nesse caso, é necessário levar o CPF e o documento de identificação.

Atendimento nas agências da Caixa será reforçado O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, reafirmou que a Caixa está focada para o atendimento de todos os brasileiros. “Funcionaremos inclusive nos sábados e todos os executivos, inclusive eu, estaremos nas agências. Teremos diretores em todos os Estados e irei pessoalmente ao Norte e Nordeste”, completou.

E como será o calendário do saque aniversário? O saque aniversário será uma outra modalidade de saque, em que o cotista poderá optar por sacar uma parcela do seu FGTS todos os anos, no seu mês de aniversário. Para ter direito, é necessário optar por essa modalidade. A Caixa vai divulgar informações sobre como e onde optar por esse saque no dia 01º de outubro de 2019.

Os saque aniversário será possível a partir de abril de 2020. Por isso, em 2020, excepcionalmente, os nascidos no início do ano não sacarão nos meses dos seus aniversários. Vai abaixo o cronograma que já havia sido divulgado pela Caixa, que varia de acordo com o mês do aniversário:

Janeiro e fevereiro – saques entre abril e junho de 2020

 

Março e abril – entre maio e junho de 2020

 

Maio e junho – entre junho e agosto de 2020

 

Julho – entre julho e setembro de 2020

 

Agosto – entre agosto e outubro de 2020

 

Setembro – entre setembro e novembro de 2020

 

Outubro – entre outubro e dezembro de 2020

 

Novembro – entre novembro de 2020 e janeiro de 2021

 

Dezembro – entre dezembro de 2020 e fevereiro de 2021

Qual a regra de saque para o saque aniversário? Quanto menor o valor que você possui na conta do FGTS, maior o percentual que poderá ser sacado. Segundo o Ministério da Economia, a regra é a seguinte:

  • Saldo de até R$ 500: saque de até 50% dos recursos na conta ativa ou inativa.
  • Saldo entre R$ 500 e R$ 1.000: saque de até 40% mais uma parcela adicional de R$ 50
  • Saldo entre R$ 1.000 e R$ 5.000: saque de até 30% mais R$ 150
  • Saldo entre R$ 5.000 e R$ 10.000: saque de até 20% mais R$ 650
  • Saldo entre R$ 10.000 e R$ 15.000: saque de até 15% mais R$ 1.150
  • Saldo acima de R$ 20.000: saque de até 5% mais R$ 2.900

Quer tirar suas dúvidas sobre o Imposto de Renda de 2021? Mande sua pergunta por e-mail (faleconosco@6minutos.com.br), Telegram (t.me/seisminutos) ou WhatsApp (https://6minutos.uol.com.br/whatsapp).