O C6 Bank, em conjunto com a PayGo (empresa de meios de pagamentos do grupo), lança o C6 Express, uma solução que permite a estabelecimentos como padarias, lojas de conveniência e comerciantes em geral prestar o serviço de saque de dinheiro a clientes do C6 Bank que precisam de pequenas quantias para compras do dia-a-dia.

O modelo, que já funciona desde o final de fevereiro em fase de testes, em São Paulo, começa agora a ganhar escala ao se tornar disponível para ativação em mais de 45 mil estabelecimentos comerciais em todo o Brasil, que já trabalham com as maquininhas C6 Pay.

“Colocamos toda a plataforma de pé neste ano e concluímos os testes operacionais no final de fevereiro, mas decidimos interromper o escalonamento seguindo o programa de isolamento social em todo o País”, afirma o CEO da PayGo, Philippe Katz. “Agora, à medida em que as cidades brasileiras reabrem o comércio, passamos a iniciar o escalonamento gradual deste produto”.

Como vai funcionar o C6 Express? Os saques só poderão ser realizados com o cartão de débito do C6 Bank  e com restrição a somente 3 transações diárias por cliente, as quais não poderão ultrapassar o teto de R$ 200. Cada saque poderá ser feito em valores padronizados de R$ 10, R$ 20, R$ 50 ou R$ 100, podendo serem combinados até o valor limite.

O cliente do banco não pagará pelas transações: esse custo é absorvido pelo próprio C6 Bank, que não cobra dos seus clientes taxa pelo serviço de saque. Essas operações, em média de mercado para serviços em caixas eletrônicos, podem chegar a R$ 7 por transação.

Pelo lado do lojista, além de não ser cobrado por taxas de transação, ele será remunerado pelo C6 Bank como forma de dar escala ao produto neste momento de lançamento. O comerciante que adotar a função C6 Express receberá R$ 1,50 por cada operação de saque. O valor acumulado pelo número de transações realizadas será pago ao lojista sempre no 5º dia útil de cada mês.

Além disso, o lojista não fica desprovido de dinheiro em caixa por realizar o serviço de saque. Os recursos que ele dedicou às operações retornam à sua conta em apenas 1 dia útil.

Você pode me dar um pouco mais de contexto? Com a digitalização dos serviços bancários,  o Brasil observa um movimento de redução de agências bancárias e serviços de caixas eletrônicos disponíveis no país. Segundo dados do Banco Central, ao final de 2019, apenas 800 cidades dos 5,570 mil municípios brasileiros contavam com serviço de caixas 24h que permitem o saque fora de uma agência bancária.

Quer receber notícias do 6 Minutos direto no seu WhatsApp? É só entrar no grupo pelo link: https://6minutos.uol.com.br/whatsapp.